Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 10

Preces à Virgem Maria

Virgem da casa de Nazaré, olhai pelos nossos pobres. Virgem que amassou o pão, dai coragem às nossas mães. Virgem que cuidou de José, enchei de amor o coração das pessoas. Virgem que trouxe nos braços o Menino Deus, velai sobre as crianças. Virgem que conduziu Jesus adolescente, cuidai da nossa juventude. Virgem que experimentou os caminhos do exílio, compadecei-vos dos que não têm casa, nem emprego. Virgem que enfrentou a tirania de Herodes, sede mãe dos injustiçados. Virgem da angústia por ter perdido o Filho, olhai pelas mães que foram abandonadas pelos filhos. Virgem que cuidou da própria casa, trazei paz às nossas famílias. Virgem que perdeu o esposo, trazei consolo ao coração das viúvas. Virgem que viu o Filho morrer, consolai as mães que perderam os seus filhos. Virgem que esperou com os apóstolos a ressurreição do Cristo, renovai em todos nós a esperança da ressurreição final. Virgem que rezou com os apóstolos esperando o Pentecostes, pedi que o Espírito Santo mantenha a Igreja renovada. Virgem que acompanhou os passos iniciais da pregação dos apóstolos, dai ânimo e perseverança aos ministros da Igreja de hoje. Virgem santa que disse SIM, ensinai-nos a fazer sempre a vontade do Pai.

Abrir

Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 9

Oração à Virgem Maria

Tenho mil dificuldades: ajudai-me. Dos inimigos da alma: salvai-me. Nos meus desacertos: iluminai-me. Nas minhas dúvidas e provações: confortai-me. Nas minhas enfermidades: fortalecei-me. Quando me desprezam: animai-me. Nas tentações: defendei-me. Nas horas difíceis: consolai-me. Com o vosso coração maternal: amai-me. Com o vosso imenso poder: protegei-me. Nos vossos braços ao expirar: recebei-me. Virgem Maria, minha Mãe, rogai por nós. Amen.

Abrir

Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 8

Consagração a Nossa Senhora

Ó Senhora minha, ó minha Mãe, eu me ofereço todo(a) a Vós, e, em prova da minha devoção para convosco, Vos consagro, neste dia e para sempre, os meus olhos, os meus ouvidos, a minha boca, o meu coração e inteiramente todo o meu ser; e porque assim sou todo(a) vosso(a), ó incomparável Mãe, guardai-me e defendei-me como coisa e propriedade vossa. Lembrai-Vos que Vos pertenço, terna Mãe, Senhora nossa. Ah, guardai-me e defendei-me como coisa própria vossa.

Abrir

Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 7

Maria, filha predilecta do Altíssimo

Ó Maria, filha predilecta do Altíssimo, pudesse eu oferecer-vos e consagrar-vos os meus primeiros anos, como vós vos oferecestes e consagrastes ao Senhor no Templo! Mas esse período da minha vida já passou! Todavia, antes começar tarde a servir-vos do que ser sempre rebelde. Venho, pois, hoje, oferecer-me a Deus. Sustentai a minha fraqueza, e por vossa intercessão alcançai-me de Jesus a graça de ser fiel a ele e a vós, até à morte, a fim de que, depois de vos ter servido de todo o coração na vida, participe da glória e da felicidade eterna dos eleitos. Amen.

Abrir

4º Domingo da Páscoa – Ano A

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João (Jo 10, 1-18)

Naquele tempo, disse Jesus: «Em verdade, em verdade vos digo: quem não entra pela porta no redil das ovelhas, mas sobe por outro lado, é um ladrão e salteador. Aquele que entra pela porta é o pastor das ovelhas. A esse o porteiro abre-a e as ovelhas escutam a sua voz. E ele chama as suas ovelhas uma a uma pelos seus nomes e fá-las sair. Depois de tirar todas as que são suas, vai à frente delas, e as ovelhas seguem-no, porque reconhecem a sua voz. Mas, a um estranho, jamais o seguiriam; pelo contrário, fugiriam dele, porque não reconhecem a voz dos estranhos.» Jesus propôs-lhes esta comparação, mas eles não compreenderam o que lhes dizia.

Então, Jesus retomou a palavra: «Em verdade, em verdade vos digo: Eu sou a porta das ovelhas. Todos os que vieram antes de mim eram ladrões e salteadores, mas as ovelhas não lhes prestaram atenção. Eu sou a porta. Se alguém entrar por mim estará salvo; há-de entrar e sair e achará pastagem. O ladrão não vem senão para roubar, matar e destruir. Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.

Mensagem

Nas comunidades cristãs necessitamos de viver uma experiência nova de Jesus que reavive a nossa relação com Ele e O coloque decididamente no centro da nossa vida. O evangelho de João apresenta algumas sugestões importantes ao falar da relação das ovelhas com o seu pastor.

O primeiro é “escutar a Sua voz” com toda a Sua frescura e originalidade. É importante, também, sentir-nos chamados por Jesus “pelo nosso nome”. Deixar-nos atrair por Ele. Descobrir, pouco a pouco, e cada vez com mais alegria, que ninguém responde como Ele às nossas perguntas mais decisivas, aos nossos desejos mais profundos e às nossas necessidades últimas.

É decisivo “seguir” Jesus. A fé cristã não consiste em acreditar em coisas sobre Jesus, mas em acreditar n’Ele: em viver confiando na Sua pessoas; em inspirar-nos no Seu estilo de vida para orientar a nossa própria existência com lucidez e responsabilidade.

É vital caminhar tendo Jesus “diante de nós” para não fazerermos o percurso da nossa vida na solidão. É importante e necessário experimentar em algum momento, ainda que desajeitadamente, que é possível viver a vida desde a sua raiz: desde esse Deus que se nos oferece em Jesus.

Esta relação viva com Jesus não nasce em nós de forma automática. De início é quase só um desejo. Em geral cresce rodeada de dúvidas, interrogações e resistências. Mas chega um momento em que o contacto com Jesus começa a marcar decisivamente a nossa vida.

A descrença começa a penetrar-nos a partir do momento em que a nossa relação com Jesus perde força ou fica adormecida pela rotina, a indiferença e a despreocupação. Por isso, o Papa Francisco reconheceu que “necessitamos criar espaços motivadores e de cura […], lugares onde regenerar a fé em Jesus”. Temos absoluta necessidade de escutar o chamamento que Jesus nos faz.

Palavra para o caminho

Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância (Jo 10,10). São muitos os cristãos que não chegam, sequer, a suspeitar que a fé é, precisamente, um princípio de vida, e vida sadia. Falta-lhes descobrir, por experiência pessoal, que Deus não é alguém ao qual convém ter em conta por acaso, mas que Deus é, precisamente e antes de mais nada, alguém que faz viver.

Abrir

Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 6

Mãe do Ressuscitado

Maria, Mãe de Jesus, no dia de Páscoa contemplaste o mistério da vitória de Jesus sobre a morte e a sua entrada na vida para sempre. Nessa manhã triunfante, Ele ergueu-se do túmulo para nos abrir definitivamente as portas da vida eterna. Alegramo-nos porque, mesmo junto à cruz, esperaste. Alegramo-nos porque acreditaste. Alegramo-nos porque és a Mãe do Ressuscitado.

Ajuda-nos a acreditar firmemente no mistério pascal, aceitando o testemunho dos primeiros apóstolos, e a anunciar e testemunhar com uma vida mais evangélica esta boa nova da nossa fé, para ressuscitarmos e ajudarmos outros a ressuscitar para uma vida nova pelo poder do Espírito Santo. Amen.

Abrir

Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 5

Magnificat

A minha alma glorifica o Senhor / E o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador. / Porque pôs os olhos na humildade da sua serva: / De hoje em diante me chamarão bem-aventurada todas as gerações. / O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas: / Santo é o seu nome. / A sua misericórdia se estende de geração em geração / Sobre aqueles que o temem. / Manifestou o poder do seu braço / E dispersou os soberbos.

Derrubou os poderosos de seus tronos / E exaltou os humildes. / Aos famintos encheu de bens / E aos ricos despediu de mãos vazias. / Acolheu a Israel, seu servo, / Lembrado da sua misericórdia, / Como tinha prometido a nossos pais, / A Abraão e à sua descendência para sempre.

Glória ao Pai e ao Filho / E ao Espírito Santo, / Como era no princípio, / Agora e sempre. Amen.

Abrir

Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 4

Oração a Nossa Senhora do Carmo

Santíssima Virgem Maria, Esplendor e Glória do Carmelo, vós olhais com especial ternura os que se revestem com o vosso Santo Escapulário. Cobri-me com o manto da vossa maternal protecção, pois a Vós me consagro hoje e para sempre. Fortalecei a minha fraqueza com o vosso poder. Iluminai a escuridão do meu espírito com a vossa sabedoria. Aumentai em mim a fé, a esperança e a caridade. Adornai a minha alma com muitas graças e virtudes. Assisti-me na vida, consolai-me na morte com a vossa presença e apresentai-me à Santíssima Trindade como vosso filho dedicado, para que possa louvá-La por toda a eternidade. Amen.

Abrir

Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 3

Lembrai-Vos, ó piíssima Virgem Maria

Lembrai-Vos, ó piíssima Virgem Maria, que nunca se ouviu dizer, que algum daqueles que têm recorrido à vossa protecção, implorado a vossa assistência e reclamado o vosso socorro, fosse por Vós desamparado. Animado eu, pois, com igual confiança, a Vós, ó Virgem entre todas singular, como a Mãe recorro, de Vós me valho, e gemendo sob o peso dos meus pecados, me prostro a vossos pés. Não desprezeis as minhas súplicas, ó Mãe do Filho de Deus humanado, mas dignai-Vos de as ouvir propícia e de me alcançar o que Vos rogo. Ámen.

Abrir

Rezar a Maria e com Maria no mês de Maio – 2

Santa Maria, Mãe de Deus

Santa Maria, Mãe de Deus, conservai em mim um coração de criança, puro e límpido como a água da fonte. Dai-me um coração simples, que não se incline a saborear as próprias tristezas. Um coração magnânimo no doar-se, dócil à compaixão, um coração fiel e generoso que não esqueça nenhum bem, nem guarde rancor de nenhum mal. Criai em mim um coração doce e humilde, que ame sem exigir ser correspondido, contente em esconder-se noutros corações, sacrificando-se diante do Vosso Divino Filho. Um coração grande e indomável, que nenhuma ingratidão possa fechar e nenhuma indiferença possa cansar. Um coração atormentado pela glória de Cristo, ferido pelo Seu amor, com uma ferida que não possa ser cicatrizada senão no Céu. Amen.

Abrir