Nossa Senhora das Dores – 15 de Setembro

– Deixa-me chorar, ó Senhora, porque sou eu o culpado e vós sois inocente (São Boaventura).

– Se juntássemos as dores do mundo, todas elas não igualariam as penas da Virgem gloriosa (São Bernadino).

– Aprendamos com Jesus e Maria a abraçar as cruzes, porque sem elas não podemos viver neste mundo (Santo Afonso de Ligório).

– As mesmas chagas que estavam espalhadas pelo corpo de Jesus, encontravam-se todas reunidas no coração de Maria (São Boaventura).

– A lança que abriu o lado de Jesus, transpassou a alma da Virgem, que não podia separar-se do Filho (São Bernardo).

– Ó minha Mãe dolorosa, não vos quero deixar chorar sozinha. Quero acompanhar-vos com as minhas lágrimas. Esta graça hoje vos peço: obtende-me uma contínua memória com uma terna devoção à paixão de Jesus e à vossa (Santo Afonso de Ligório).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *