Orando em cada dia da 2ª Semana do Advento em união com Maria

ORAÇÃO INTRODUTÓRIA

Liberta, Senhor, a minha vida do pó em que se prostrou, da cegueira do pecado, da surdez que cala a tua palavra, da humilhação que ofende a tua imagem de Pai e criador. Faz brilhar sobre mim a luz da tua sabedoria e transforma-me. Levanta o meu rosto envergonhado e faz-me exultar de alegria e rejubilar com a tua salvação.

– SEGUNDA-FEIRA, 10 DE DEZEMBRO – «Na Virgem Maria, cheia de graça pelo acção do Espírito Santo e perdida na simples luz de Deus, todas as suas energias eram serenamente destinadas à realização da vontade divina» (Beato Eugénio Maria do Menino Jesus, Quero ver a Deus).

«Quem faz a vontade de Deus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe» (Mc 3,35).

Tentar identificar as minhas tendências egoístas e abandoná-las.

– TERÇA-FEIRA, 11 DE DEZEMBRO – «A Mãe de Jesus é a Mãe dos pecadores, daqueles que sofrem e choram» (Santa Maria de Jesus Crucificado).

«Vinde a Mim, todos vós que andais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei» (Mt 11,28 ).

Hoje proponho-me visitar uma pessoa doente, acolher uma pessoa isolada ou a um estrangeiro.

– QUARTA-FEIRA, 12 DE DEZEMBRO – «Gostaria de ter a certeza de que a Santíssima Virgem me ama… Em toda a minha vida foi tão difícil rezar o meu rosário!» (Santa Teresa do Menino Jesus, Últimas Conversações, MC 20, 8v).

«O pobre clamou e o Senhor o ouviu. Salvou-o de todas as suas angústias» (Sl 34, 7).

Hoje vou rezar o Terço pelas intenções de todos aqueles que estão a fazer retiro de Advento.

– QUINTA-FEIRA, 13 DE DEZEMBRO – «Oh abençoada Mãe, todos nós que vivemos nesta montanha, que refrescamos os nossos corações nas suas fontes, reconhecemo-nos conduzidos pelas suas mãos e iluminados pela sua luz. Fica connosco» (Os primeiros eremitas do Monte Carmelo).

«Todos perseveravam em oração, juntamente com algumas mulheres, entre as quais Maria, Mãe de Jesus» (Act 1,14).

Hoje rezo em comunhão com todos os cristãos, especialmente com aqueles que não se podem reunir para a oração.

– SEXTA-FEIRA, 14 DE DEZEMBRO – «Aqueles que amam discretamente (…) simplesmente apresentam as suas necessidades para que o Amado possa fazer o que quiser. Assim, de facto, a Santíssima Virgem comportou-se com o seu amado Filho nas Bodas de Caná, na Galileia, não pedindo directamente o vinho, mas dizendo: Eles não têm vinho» (São João da Cruz, Cântico Espiritual, 2,8).

«Confia ao Senhor o teu caminho, confia Nele e Ele actuará» (Sl 37, 5).

Deus sabe o que é bom para mim, apresento-Lhe simplesmente as minhas necessidades.

– SÁBADO, 15 DE DEZEMBRO – «Saber que a Mãe está presente e vigia-o durante a noite, dá alegria ao coração da criança, renova a sua força, confirma a sua esperança, traz luz e paz» (Beato Eugénio Maria do Menino Jesus, Quero ver a Deus).

«Permaneço calmo e tranquilo, como criança ao colo da mãe» (Sl 131, 2).

Agradeço a paz de coração que sempre me foi dada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *