Solenidade de Nossa Senhora do Carmo

Os grandes místicos carmelitas entenderam a experiência de Deus na própria vida como um “caminho de perfeição” (Santa Teresa de Jesus), como uma “subida do Monte Carmelo” (S. João da Cruz). Neste itinerário está presente Maria. Ela – invocada pelos Carmelitas como Mãe, Padroeira e Irmã – torna-se, enquanto Virgem puríssima, modelo do contemplativo, sensível à escuta e meditação da Palavra de Deus e obediente à vontade do Pai, por meio de Cristo no Espírito Santo. Por isto no Carmelo, e em toda a alma profundamente carmelita, floresce uma vida de intensa comunhão e familiaridade com a Virgem Santa, como “maneira nova” de viver para Deus e de continuar aqui na terra o amor do Filho de Jesus a Maria sua Mãe.

João Paulo II

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO CARMO

Ó Senhora do Carmo, revestido(a) de vosso Escapulário, eu vos peço que ele seja para mim sinal de vossa maternal protecção, em todas as necessidades, nos perigos e nas aflições da vida. Acompanhai-me com a vossa intercessão, para que eu possa crescer na Fé, Esperança e Caridade, seguindo Jesus e praticando a Sua Palavra. Ajudai-me, ó Mãe querida, para que, levando com devoção vosso santo Escapulário, mereça a felicidade de morrer piedosamente com ele, na graça de Deus, e assim, alcançar a vida eterna. Amen.

A Ordem do Carmo em Portugal através de “Caminhos Carmelitas” tem presente neste dia da Solenidade da Bem-Aventurada Virgem Maria do Monte Carmelo (16 de Julho) todos os seus amigos nas suas orações e nos louvores prestados à Senhora do Carmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *